ISSN: 1678-4006
Banner Guia Atendimento

Sexta-Feira, 22 de Março de 2019, 21:36:13


 
 BENCHMARK
 CALL CENTER BRASIL
 CASES/PREMIAÇÕES
 EXECUTIVOS
 INTERNET/REDES SOCIAIS
 MARKETING E MERCADO
 MOBILIÁRIO CORPORATIVO
 OPORTUNIDADES
 PESQUISA DE MERCADO
 PRODUTOS E SERVIÇOS
 PROMOÇÕES
 PUBLICAÇÕES
 RECURSOS HUMANOS
 SAÚDE
 TECNOLOGIA TI/TIC
 TREINAMENTO


 
PUBLICIDADE

 

 

 


 
 

 
Notícias

Pesquisa feita pela revista Latin Trade analisa as 100 maiores empresas da América Latina

As maiores empresas da América Latina terão crescimento de 12% em seus lucros no ano de 2002, de acordo com a pesquisa feita pela revista LATIN TRADE

Na pesquisa também foi apresentado o ranking anual com as 100 maiores empresas de capital aberto da América Latina, incluindo o exclusivo prognóstico de consenso de vendas corporativas e lucros por dois anos.  Petrobrás, a maior empresa do ranking LATIN TRADE 100, deverá obter um crescimento de 3% em seus lucros, apesar da queda de aproximadamente 10% nas vendas em 2002. Em 2001, o LATIN TRADE 100 registrou um crescimento inexpressivo, com um total de vendas das empresas de US$ 292 bilhões, e queda nos lucros de 14%, alcançando negócios em torno de US$20 bilhões.

"Após uma queda em 2001, as empresas da América Latina cortaram seus custos em 12%, esperando que os resultados do passado não fossem repetidos nos próximos meses", diz Mike Zellner, editor-chefe da LATIN TRADE.

O Prognóstico de Consenso da LATIN TRADE destaca a projeção dos analistas, onde cerca de 72 das 100 empresas destacadas no ranking, terão suas vendas menores do que o previsto para 2002. Os lucros deste ano, no entanto, deverão crescer devido às estratégias no corte de custos adotadas pela maioria dessas empresas. O quadro parece ser melhor para 2003, com o crescimento geral das vendas em torno de 5%, alcançando lucros de 21%.

Segundo a revista, as empresas voltadas ao consumidor, principalmente no Brasil, México e Chile, irão liderar a reação de crescimento das vendas. A recuperação começará com o crescimento no México, a maior economia da América Latina, e ganhará velocidade após as eleições presidenciais no Brasil, em outubro próximo. Já as empresas dos setores de telecomunicações, varejo, alimentação e bebidas deverão superar os resultados de suas respectivas economias nessa retomada de crescimento.

 

RK
02
RK
01
Empresa País Setor Vendas Líquidas 2001 U$ Milhões % Mudança
00/01
Faturamento Líquido 
2001 U$ Milhões
% Mudança
00/01
1 1 Petrobrás Brasil Petróleo, Gasolina 24.765,2 -2,6 4.252,3 -16,4
2 3 Telnex México Telecom. 12.114,3 13,6 2564,9 -7,2
3 2 Telecom Carso Global México Telecom. 11.403,3 16,0 597,9 -0,3
4 5 Wal-Mart México México Varejo 9.666,0 25,1 457,8 22,9
5 - Repsol-YPF Argentina Petróleo, Gasolina 8.162,0 -5,8 819,0 -33,4
6 7 Eletrobrás Brasil Eletricidade 7.662,1 22,6 1404,2 11,6
7 6 Petrobrás Dist. Brasil Petróleo, Gasolina 6.947,1 11,0 161,2 13,3
8 9 Cemex México Cimento 6.930,9 29,4 1179,1 23,8
9 4 Grupo Cargo México Holding 5.608,8 7,9 271,2 0,0
10 11 Femsa México Bebidas 5.445,1 15,9 359,4 36,2

Na pesquisa também foi apresentado o ranking anual com as 100 maiores empresas de capital aberto da América Latina, incluindo o exclusivo prognóstico de consenso de vendas corporativas e lucros por dois anos.  Petrobrás, a maior empresa do ranking LATIN TRADE 100, deverá obter um crescimento de 3% em seus lucros, apesar da queda de aproximadamente 10% nas vendas em 2002. Em 2001, o LATIN TRADE 100 registrou um crescimento inexpressivo, com um total de vendas das empresas de US$ 292 bilhões, e queda nos lucros de 14%, alcançando negócios em torno de US$20 bilhões.

"Após uma queda em 2001, as empresas da América Latina cortaram seus custos em 12%, esperando que os resultados do passado não fossem repetidos nos próximos meses", diz Mike Zellner, editor-chefe da LATIN TRADE.

O Prognóstico de Consenso da LATIN TRADE destaca a projeção dos analistas, onde cerca de 72 das 100 empresas destacadas no ranking, terão suas vendas menores do que o previsto para 2002. Os lucros deste ano, no entanto, deverão crescer devido às estratégias no corte de custos adotadas pela maioria dessas empresas. O quadro parece ser melhor para 2003, com o crescimento geral das vendas em torno de 5%, alcançando lucros de 21%.

Segundo a revista, as empresas voltadas ao consumidor, principalmente no Brasil, México e Chile, irão liderar a reação de crescimento das vendas. A recuperação começará com o crescimento no México, a maior economia da América Latina, e ganhará velocidade após as eleições presidenciais no Brasil, em outubro próximo. Já as empresas dos setores de telecomunicações, varejo, alimentação e bebidas deverão superar os resultados de suas respectivas economias nessa retomada de crescimento.

 

RK
02
RK
01
EmpresaPaísSetorVendas Líquidas 2001 U$ Milhões% Mudança
00/01
Faturamento Líquido 
2001 U$ Milhões
% Mudança
00/01
11PetrobrásBrasilPetróleo, Gasolina24.765,2-2,64.252,3-16,4
23TelnexMéxicoTelecom.12.114,313,62564,9-7,2
32Telecom Carso GlobalMéxicoTelecom.11.403,316,0597,9-0,3
45Wal-Mart MéxicoMéxicoVarejo9.666,025,1457,822,9
5-Repsol-YPFArgentinaPetróleo, Gasolina8.162,0-5,8819,0-33,4
67EletrobrásBrasilEletricidade7.662,122,61404,211,6
76Petrobrás Dist.BrasilPetróleo, Gasolina6.947,111,0161,213,3
89CemexMéxicoCimento6.930,929,41179,123,8
94Grupo CargoMéxicoHolding5.608,87,9271,20,0
1011FemsaMéxicoBebidas5.445,115,9359,436,2

Em: 27/09/2006



:: MAIS RECENTES

  • [22/03/2019] WhatsApp Business entra para o rol de canais de atendimento integrados da XGEN
  • [22/03/2019] Stefanini desenvolve plataforma cognitiva para a D-Link
  • [22/03/2019] Capgemini posicionada como líder no Quadrante Mágico de 2019 do Gartner para provedores globais de serviços de dados e análise
  • [21/03/2019] Algar Tech implanta nova plataforma de gamificação para programa interno de performance
  • [21/03/2019] Grupo Dimas investe em CRM de autopeças e cresce em 30% as suas vendas
  • [21/03/2019] Nice Robotic Process Automation anuncia parceria com a CallVU para impulsionar uma experiência completa e ininterrupta ao cliente
  • [21/03/2019] Tivit firma parceria com Microsoft para o fornecimento de soluções de IoT na nuvem Azure
  • [21/03/2019] DocuSign anuncia o DocuSign Agreement Cloud
  • [20/03/2019] Contact center inteligente reduzirá custos e elevará produtividade na interação com clientes, diz estudo
  • [20/03/2019] Zenvia facilita agendamento de reuniões com chatbot

  •  
    VAGAS

      

    VAGAS

    CURRÍCULOS

    Banner Rigel Botão Branco

    Banner Guia Botão

    Banner Kinderen

    Banner Call To Call sistema

    CallToCall Terceirização

    CallToCall Cursos


    Se desejar enviar esta página para um amigo, clique no botão abaixo:


     GUIA ONLINE  |  BANNERS  |  ÉTICA  |  GLOSSÁRIO   |  RESPONSABILIDADE SOCIAL  |   QUEM SOMOS  |  CLIQUE MAIS 

    Sistema Call To Call - 11 5579-0341

    Website criado por interAmplitude